sábado, 5 de maio de 2012

ARVORE DE CAUSAS - INVESTIGAÇÃO DE ACIDENTE DE TRABALHO

 

ÁRVORE DE CAUSAS            
            
             A árvore de causas consiste em uma metodologia prática de investimento de acidentes/incidentes no trabalho, que ajuda a compreendê-los melhor e encontrar uma maneira mais adequada de lutar contra eles.
             Este método é internacionalmente reconhecido como instrumento de trabalho eficaz para o estudo dos acidentes/incidentes, sendo muito utilizado pelo Institut National de Recherche et de Securité (INRS). Muito valioso para quem precisa se aprofundar na análise das causas dos acidentes, é especialmente eficaz quando aplicado por profissionais de segurança do trabalho, por técnicos de produção e manutenção da empresa e por membros de Comissões Internas de Prevenção de Acidentes.
             A árvore de causas pode ser definida como a representação gráfica do encadeamento lógico dos fatos que provocaram o acidente/incident, elaborada a partir de um caso real.

PRINCIPIO DA ELABORAÇÃO DA ÁRVORE DE CAUSAS
  •              Forma de investigar um acidentepor vez, atravez de esquema que demonstre o encadeamento logico que antecede à ocorrencia,
  •               Cada fato tem um ou mais antecedentes comprovados os ipotetcos os quais tambem podem ter antecedentes,
  •               Cada acontecimento deve ser registrado sem caraquiterisar julgamento.(Procurar causas e não culpados)
               Esta ÁVORE DE CAUSAS deve ser feita de forma clara e obijetiva, facilitando assim sua interpretação,
Se houver formação de um grupo para a realização da árvore o mesmo deve ser unido com desisões tomadas em conciência, tomando sempre cuidado para evitar imposições ierarquicas ou de ordem pessual,

PERGUNTAS CHAVES - PRINSCIPAIS QUESTÕES
  1. Oque foi necessario para que o fato ocorrece?
  2. Isto foi o suficiente e necessario para que o fato ocorrece?
  3. Oque mais contribuiu?
COMO COLETAR AS INFORMAÇÕES?

  • Agindo logo após o acidente, into até o local ou obiservando as evidencias,
  • Emvouver o maximo de pessouas e informações,
  • Constatar a realidade dos fatos das vitimas, e das testemunhas sem policiamento, sensura ou presão,
  • Tomar cuidado com as possiveis deturbações ou esquecimento dos espoentes;
  • Registrar as imformações geradas, relativa as pessouas, as tarefas ao material e ao meio de trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário